Pesquisar

1 de set de 2010

Coca - Cola




Com o objetivo de criar no consumidor a percepção de que seu produto faz bem à saúde, a Coca-Cola mudará a embalagem de sua linha de refrigerantes. Ao longo dos próximos meses, as latas de alumínio e garrafas pet serão substituídas por caixinhas Longa Vida.
“Recentemente compramos algumas empresas de sucos pelo mundo. Esses sucos, mesmo com tantos conservantes, parecem naturais somente por causa da embalagem e por isso vendem muito mais”, revelou Fabio Plummer, diretor de marketing da FEMSA, distribuidora da Coca na América Latina.
“Com a nova embalagem, trazemos uma aparência renovada para nossas bebidas, além de oferecer um prazo de validade muito maior”, explicou Plummer.
Após meses de planejamento, o projeto foi recentemente aprovado pela matriz da empresa em Atlanta, Estados Unidos. O CEO da Coca-Cola, John Allen, confirmou a intenção de expandir a ideia brasileira para o resto do mundo.
“Os resultados da pesquisa de mercado são impressionantes! Mais de 70% dos entrevistados disseram que comprariam o novo produto, mesmo sem mudarmos nada por dentro. O brasileiro realmente é um povo criativo!”, comemorou Allen.
Além da adoção da embalagem Longa Vida, os executivos da empresa negociam com os supermercados a mudança na exposição dos refrigerantes. Para consolidar a imagem saudável, a Coca-Cola deverá ser colocada sempre entre os sucos e os leites.
Segundo Plummer, a Coca-Cola também criou campanhas para promover a validade maior do produto, que agora pode chegar a 20 anos. “Com o novo posicionamento, as pessoas poderão criar adegas em sua casa com Coca-Colas de diferentes safras que podem ser envelhecidas na própria caixinha”, explicou o diretor.
* Francisco Faria Nunes viajou a Atlanta e em seguida a Orlando a convite da FEMSA do Brasil.

Nenhum comentário: